Osório: Rio Grande do Sul comemora dez anos de energia eólica no estado

Osório - RS, 14/05/2007; Parque Eólico de Osório. FOTO: Itamar Aguiar / Palácio Piratini

Osório – RS, 14/05/2007; Parque Eólico de Osório. FOTO: Itamar Aguiar / Palácio Piratini

Para comemorar os dez anos de energia eólica no Rio Grande do Sul, a Secretaria de Minas e Energia (SME) e a Elecnor Brasil promovem, nesta quarta-feira (30), o Seminário ‘Realidade e Desafios para o Futuro’, no Complexo Eólico de Osório.

Além das palestras do Seminário ‘Realidade e Desafios para o Futuro’, que discutirá o planejamento e os rumos da geração, transmissão e distribuição elétrica no estado, acontecerá a inauguração do Centro de Visitantes e Interpretação de Energia do Complexo Eólico de Osório. O centro levará ao público informações sobre a produção de energia eólica, com demonstrações realizadas pelos técnicos do complexo.

Inaugurado em 2006, o Complexo Eólico de Osório – o primeiro do estado – é referência internacional no segmento de geração de energia renovável e sustentabilidade. Por muito tempo o complexo foi o maior empreendimento eólico do Hemisfério Sul. Atualmente, segue em posição de destaque entre os maiores empreendimentos do continente, contando com 173 turbinas eólicas distribuídas nos parques de Osório (148) e de Palmares do Sul (25), todas controladas a partir do Centro Integrado de Operações e Controle de Osório, que atua de forma ininterrupta (24 horas).

O evento não acarreta gastos ao Estado. Os custos de realização do seminário e da inauguração correm por conta Elecnor Brasil, que convidou a SME para ser um dos anfitriões da comemoração como reconhecimento aos esforços da Secretaria na elaboração de estudos sobre os potenciais energéticos do estado e os programas de incentivo a empreendimentos do setor. O evento também marca o início da participação do Rio Grande do Sul nos Leilões de Energia, a partir de 2017.