Deputados aprovam extinção da Fepagro e da FGTIF

21/12/2016

Com 29 votos favoráveis e 23 contrários, deputados estaduais aprovaram o projeto que extingue a Fundação Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore (FIGTF) e a Fundação Estadual de Pesquisa Agropecuária (Fepagro). As medidas integram o Plano de Modernização do Estado (PME), encaminhado no final de novembro pelo Poder Executivo.

De acordo com o projeto de lei (PL) 240/2016, serviços, atividades e pesquisas imprescindíveis ao desenvolvimento do setor agropecuário feitos pela Fepagro serão mantidos e gerenciados pela Secretaria da Agricultura, Pecuária e Irrigação, à qual o órgão já é vinculado. Convênios e contratos serão mantidos. Servidores estatutários ficarão ligados à Agricultura.

As atividades da Fundação Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore (FIGTF) serão incorporadas pela Secretaria de Cultura, que ficará com o quadro de servidores, também em extinção.